Globo renova direitos do UFC até 2018, mas deixa de exibir o TUF Brasil

Globo e UFC tinham divergências com relação aos valores pagos pelo novo acordo, mas chegaram a um consenso

15:05

Globo e UFC tinham divergências com relação aos valores pagos pelo novo acordo, mas chegaram a um consenso



As relações da Globo com a organização do UFC andaram estremecidas, mas o casamento segue adiante.

A emissora e a turma de Dana White (presidente do UFC) chegaram a um acordo e renovaram contrato até 2018.

Pelo novo documento, o Grupo Globo mantém os direitos exclusivos de exibição do UFC no Brasil de 2016 a 2018, incluindo TV aberta, TV paga e pay-per-View. Na Globo, algumas lutas serão exibidas ao vivo, mas a maioria seguirá indo ao ar com delay de alguns minutos, dando prioridade para o pay-per-view do canal Combate, da Globosat.

Assim foi no sábado (12), na disputa de cinturão entre o brasileiro José Aldo e o irlandês Conor McGregor. O Combate exibirá a luta ao vivo, e a Globo só poderá exibir com atraso de 30 minutos.

Globo e UFC tinham divergências com relação aos valores (em dólar) pagos pelo novo acordo, mas chegaram a um consenso, afinal, a modalidade precisa de exposição no país para crescer.

O mesmo futuro promissor não terá o reality show "The Ultimate Fighter Brasil", que não deve ganhar nova edição em 2016.

Quando estreou na Globo, em 2012, o TUF Brasil teve ótima aceitação do público e manteve bons números durante toda a temporada. Porém, a recepção foi caindo gradualmente ao longo das edições seguintes, e a atração foi empurrada para cada vez mais tarde na grade de programação.

Fonte: Keila Jimenez/R7
Ouça a Rádio Estação Play em seu Computador, Tablet ou Celular pelos aplicativos RadiosNet e TuneIn.
Curta a página oficial Portal Mídia Esporte no Facebook e @midiaesporte no Twitter.

Compartilhe

Editor e administrador do Portal Mídia Esporte.
Contato: midiaesporte@gmail.com

Leia mais

Próxima
« Anterior
Anterior
Próxima »