Header Ads

Bahia 'congela' negociação com a Globo por direitos de TV aberta e PPV do Brasileiro

Clube baiano recusa proposta reduzida da emissora pelo efeito do acordo com o Esporte Interativo e descarta transmissão pelo YouTube

Reprodução

A diretoria do Bahia rejeitou inicialmente a proposta da Globo de contrato de TV aberta e pay-per-view para o Campeonato Brasileiro de 2019 até 2024 por conter uma redução no valor pelo efeito do acordo como o Esporte Interativo.

De acordo com o site 'Galáticos Online', o presidente do Bahia, Guilherme Bellintani, disse em entrevista coletiva após a partida entre Bahia e Santos, na Arena Fonte Nova, neste sábado (21), que está aberto a negociações, porém, o valor oferecido pela emissora não interessa ao clube.

"Na verdade não é o Bahia que está resistindo, é a Globo que está resistindo assinar com o Bahia. Porque a gente entende que a proposta que foi feita pela Globo é razoável para manter o nível econômico que a gente imagina, que achamos que o Bahia vale. A gente está tendo o bom senso, porém, não está chegando propostas que nos interessa. Essa negociação hoje está absolutamente congelada", disse o dirigente.

"Estamos em contato com o Atlético-PR e o Coritiba, mas a priori essa negociação está longe de ser fechada. A Globo está propondo descontos para os clubes que tem contrato com o Esporte Interativo. A cada jogo, se um time ganha 100, o Bahia ganha 80, aproximadamente. Isso porque aquele jogo do Bahia também está sendo transmitido pelo EI. A gente entende, ela [Globo] não é obrigada a fazer uma proposta que nos agrade, mas se não agradar, não vamos aceitar", completa.

Além de Bahia, Atlético-PR e Coritiba, a proposta da Globo também foi inicialmente rejeitada pelo Palmeiras. Dos clubes da Série A que assinaram com o Esporte Interativo, apenas o Santos aceitou receber menos do que os clubes que venderam tudo para a Globo.

O mandatário tricolor ainda descartou a possibilidade do Bahia transmitir seus jogos pelo YouTube.

"Muito difícil isso. Pela alteração jurídica, o direito de transmissão precisa da autorização dos dois clubes. Dessa forma, a única hipótese de isso acontecer seria um jogo entre Bahia e Atlético-PR, Bahia e Coritiba ou Coritiba e Atlético-PR. Em um jogo como o de hoje, o Santos tem contrato com a Globo, então o Bahia não pode fazer a transmissão por internet, porque não tem direito sobre o Santos", disse Bellintani.

Caso não feche com a Globo, o Bahia terá um valor mínimo garantido de cobertura do Esporte Interativo pelos direitos de TV aberta.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece nos bastidores da mídia esportiva em tempo real? Então curta nossas páginas no Facebook (facebook.com/midiaesporte), Twitter (twitter.com/midiaesporte) e Instagram (instagram.com/midiaesporte).

Quer anunciar no Portal Mídia Esporte? Entre em contato com a nossa equipe no email midiaesporte@gmail.com e solicite uma proposta.




Tecnologia do Blogger.