Header Ads

Liga Sul-Minas-Rio deve fechar com CEO para negociar com emissoras

A definição de um CEO para assumir a Liga Sul-Minas-Rio, criada na última quinta-feira (10), é tratada pelos integrantes como um ponto estratégico para a viabilização da competição. Os dirigentes selecionáveis para o cargo ainda são guardados a sete chaves pelos dirigentes envolvidos na criação da Liga.

13 clubes participam da nova Liga (Foto: Site oficial Avaí)

A definição de um CEO para assumir a Liga Sul-Minas-Rio, criada na última quinta-feira (10), é tratada pelos integrantes como um ponto estratégico para a viabilização da competição. Os dirigentes selecionáveis para o cargo ainda são guardados a sete chaves pelos dirigentes envolvidos na criação da Liga.

Entretanto, de acordo com o jornal Lance, o profissional escolhido já assumirá a função de diretor-executivo da Liga com a primeira missão já definida: apresentar o projeto a uma emissora de televisão, com a Rede Globo sendo a primeira opção. Rumores apontam que Fox Sports e Esporte Interativo também teriam interesse pelo torneio.

LEIA MAIS
Globo deve ser procurada para liberar volta do Torneio Rio-São Paulo

A Liga Sul-Minas-Rio, inclusive, desenvolveu um estatuto com cerca de 20 páginas já preparado para receber ou não o apoio da CBF para o torneio. As federações estaduais não são preocupação do grupo, que garante ter condições de andar com as próprias pernas. Se não tiver a chancela da CBF, por exemplo, a liga vai ter que cuidar da própria arbitragem.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece nos bastidores da mídia esportiva em tempo real? Então curta nossas páginas no Facebook (facebook.com/midiaesporte) e Twitter (twitter.com/midiaesporte).

Quer anunciar no Portal Mídia Esporte? Entre em contato com a nossa equipe no email midiaesporte@gmail.com e solicite uma proposta.
Tecnologia do Blogger.