Ainda sem acordo com TV, clubes da Primeira Liga já brigam por divisão de cotas

Há o receio de que um conflito interno mais uma vez deixe o futuro da competição em dúvida

19:07
Crédito: Divulgação

A Primeira Liga está enfrentando uma crise com a divergência entre seus membros, em meio à discussão para definir os detalhes para 2017. Segundo informações do site ESPN.com.br, a entidade ainda nem fechou contrato de TV para a próxima temporada, mas os clubes já brigam pela divisão de cotas.

Os clubes estiveram reunidos na última semana, no Rio de Janeiro, onde vários assuntos foram colocados em pauta. Ao seu final, o receio de que um conflito interno mais uma vez deixe o futuro da competição em dúvida, a exemplo do que aconteceu na saída de Alexandre Kali, então CEO. O ex-vice-presidente de marketing do Flamengo, José Sabino, assumiu o cargo no início do ano e terá de lidar com o imbróglio.

"Até agora, não tem nada (sobre verba de TV). Não adianta brigar por algo que não existe. Ou mesmo se iludir", afirma o presidente da Chapecoense, Sandro Pallaoro, ao ser perguntado sobre os motivos da divergência entre as equipes. Outros cartolas confirmam a falta de acordo.

Segundo eles, um modelo de divisão de cotas ainda não chegou nem mesmo a ser levado à mesa, mas os grandes não estão dispostos a ceder em suas fatias por um rateio mais igualitário. Em sua edição de estreia, a Primeira Liga teve uma receita comercial de apenas R$ 5 milhões com a Globosat.
Ouça a Rádio Estação Play em seu Computador, Tablet ou Celular pelos aplicativos RadiosNet e TuneIn.
Curta a página oficial Portal Mídia Esporte no Facebook e @midiaesporte no Twitter.

Compartilhe

Editor e administrador do Portal Mídia Esporte.
Contato: midiaesporte@gmail.com

Leia mais

Próxima
« Anterior
Anterior
Próxima »