Conselho do São Paulo veta proposta da Globo por direitos de TV aberta do Brasileiro

Tricolor paulista teria direito a receber R$ 20 milhões de luvas da emissora

15:36
Reprodução
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Na noite da última terça-feira (13), o Conselho Deliberativo do São Paulo vetou a assinatura de novo contrato com a Rede Globo para a transmissão do Campeonato Brasileiro em TV aberta a partir de 2019 até 2024.

Segundo informações do portal UOL, 78 conselheiros do clube votaram contra e 60 a favor da aprovação. O tricolor paulista teria direito a receber R$ 20 milhões de luvas. Sem essa verba, a diretoria deve recorrer a empréstimos bancários para honrar os seus compromissos de fim de ano.

O acordo com a Globo foi questionado pelos conselheiros de oposição nas últimas semanas. Os principais argumentos eram de que a diretoria queria o dinheiro para gastar em contratações pensando em um time forte para alavancar a campanha de Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, à reeleição presidencial em abril do ano que vem, e uma possível transgressão do Profut, lei que refinanciou as dívidas dos clubes e considera gestão temerária antecipações de receitas de gestões futuras caso o dinheiro não seja usado exclusivamente para diminuir o endividamento e não se limite a no máximo 30% das receitas do primeiro ano da administração seguinte.

VEJA TAMBÉM

Palmeiras recebe primeira parcela das "luvas" do contrato com Esporte Interativo

Além disso, a maioria do Conselho não aprovou o valor que o clube vai receber. Em fevereiro, o São Paulo havia selado acordo para receber R$ 60 milhões de luvas da TV fechada (SporTV e Premiere). A principal alegação para tal diferença de valor da TV aberta (R$ 20 milhões) é de que no caso do contrato assinado no início deste ano existia concorrência com o Esporte Interativo. Desta vez, apenas a Globo demonstrou interesse nos direitos de TV aberta.
Ouça a Rádio Estação Play em seu Computador, Tablet ou Celular pelos aplicativos RadiosNet e TuneIn.
Curta a página oficial Portal Mídia Esporte no Facebook e @midiaesporte no Twitter.

Compartilhe

Editor e administrador do Portal Mídia Esporte.
Contato: midiaesporte@gmail.com

Leia mais

Próxima
« Anterior
Anterior
Próxima »