Globo procura clubes e oferece mais dinheiro para manter transmissão do Nordestão

Emissora carioca quer que a grana chegue diretamente às equipes e não através do Esporte Interativo

5/29/2017 07:27:00 PM
O Bahia conquistou o título da Copa do Nordeste de 2017 (Foto: Gazeta Press)
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Com o fim do contrato de sublicenciamento dos direitos de transmissão da Copa do Nordeste na TV aberta com o Esporte Interativo, a Rede Globo tenta seduzir os clubes para seguir mostrando a competição.

De acordo com o site da ESPN, a emissora carioca ainda não conseguiu chegar a um acordo para renovação e procurou dirigentes dos clubes da região em conversa informal, admitindo que não valorizou a competição no passado e acenando com mais dinheiro para convencê-los a mudar o modelo de distribuição de receita.

O presidente da Liga do Nordeste, Alexi Portela, relatou que foram arrecadados R$ 24 milhões com televisão nesta temporada. A Globo foi responsável por investir R$ 10 milhões desse total para garantir jogos em suas afiliadas no Nordeste.

A Globo discute aumentar esse repasse entre 50% e 75% com uma condição: assegurando que a grana chegasse diretamente às equipes e não através do Esporte Interativo, como acontece atualmente. O assunto deve estar na pauta do próximo encontro da Copa do Nordeste.

Existe predileção dos times em aceitar a oferta da emissora carioca. Por conta disso, ainda estão sendo revisados detalhes do contrato com o EI para evitar qualquer desgaste com os detentores dos direitos de transmissão, que, a princípio, sinalizaram, sem sucesso, com uma proposta de aumento de 40% no repasse da Globo para renovar contrato.

Em nota, o diretor de aquisição de direitos esportivos do Grupo Globo, Fernando Manuel, negou que qualquer proposta tenha sido oficializada pelo Nordestão.

"O Grupo Globo tem imenso apreço e interesse pelo Futebol do Nordeste, investindo e oferecendo ao público ampla cobertura dos clubes nas competições que participam no âmbito regional, nacional e internacional, através de seus canais e plataformas. E assim continuaremos", afirmou.

"Contudo, não está correta a informação de que já apresentamos proposta pelos direitos da Copa do Nordeste 2018 a qualquer entidade, seja aos clubes, aos organizadores ou mesmo ao Esporte Interativo, que nos sublicenciou os direitos de TV Aberta da Competição neste ano de 2017. Sem prejuízo disso, como de costume nos mantemos abertos ao diálogo visando a construção de acordos sólidos, comercialmente fundamentados e que tragam benefícios ao Futebol Brasileiro, em especial seus clubes e torcedores", completou.
Quer receber notícias do Portal Mídia Esporte pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.
Curta a página oficial Portal Mídia Esporte no Facebook e @midiaesporte no Twitter.

Compartilhe

Editor e administrador do Portal Mídia Esporte.
Contato: midiaesporte@gmail.com

Leia mais

Próxima
« Anterior
Anterior
Próxima »