Header Ads

Acusado de interferir em jogo da Copa do Brasil, Eric Faria diz ter sofrido ameaça de morte

Repórter da Globo diz que acusação do Santos é "leviana" e "falsa"

Foto: Rede Globo
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

O repórter Eric Faria, da Rede Globo, foi acusado pelo Santos de ter interferido na decisão do árbitro Leandro Vuaden em cancelar um pênalti para o clube no jogo contra o Flamengo, pelas quartas de final da Copa do Brasil. Após a acusação, o jornalista relatou que está sofrendo ameaças de morte.

"Gostaria de dizer que tudo isso é muito chato. Está virando uma coisa muita maluca que não gostamos ver. Estar aqui falando de uma acusação leviana, falsa que está me dando dor de cabeça em redes sociais", disse Faria, ao canal SporTV.

"Já recebi um monte de ameaça de morte, (dizendo) que se eu for à Vila (Belmiro) vou sair de camburão do IML, tomar pedrada, paulada... Mais do que um repórter, tem um cidadão, um pai de família. Tenho um menino de 10 anos que me mandou uma mensagem e perguntou se estava tudo bem neste rolo todo", contou.

O Santos afirma uma câmera do estádio flagrou momento que indica que, na análise do clube, o repórter da Globo teria supostamente influenciado em decisão de Vuaden. A agremiação, contudo, ainda não mostrou tais imagens.

O alvinegro, porém, enviou um ofício à CBF, acusando Faria formalmente e pedindo a anulação da partida. A Confederação, por sua vez, ignorou o documento e manteve o resultado do jogo.

"A troco de que isso? Falamos tanto de não violência no futebol e um clube da grandeza do Santos não preciso disso. A história do Santos é linda, é belíssima. Sinceramente, desviar o foco de uma derrota com uma acusação sem pé nem cabeça", acrescentou Faria.

Na última quinta, em entrevista ao SporTV, Vuaden também negou interferência externa.

"Que fique bem claro que não houve nenhuma interferência externa. Fico muito triste quando pessoas tentam adicionar alguma coisa ou contestar alguma decisão dizendo que houve interferência. Deixando bem claro o que aconteceu, no deslocamento houve um contato, e de forma tardia, acabo assinalando. Não estou 100% convicto, mas optei por tomar a decisão. A partir daí, houve um protesto, também estou com dúvida. Qual recurso que tenho? Por mais distante que esteja, o ângulo de visão do quarto árbitro é melhor que o meu. O que eu fiz, o que o futebol espera que seja feito, foi buscar uma informação no árbitro", apontou o juiz.

O quarto árbitro do jogo, Flávio Rodrigues, disse em entrevista à ESPN que sequer falou com Eric Faria durante a partida.

A TV Globo se posicionou por meio de nota oficial. Confira:

"A Globo repudia as acusações feitas ao jornalista Eric Faria relacionadas ao pedido do Santos à CBF para anulação do jogo de ontem (26/7) contra o Flamengo. Assim como seus profissionais, a Globo está em campo para garantir a melhor cobertura e transmissão para o público apaixonado por futebol. Com visão crítica e imparcial. Investimos no futebol brasileiro há 30 anos. Não apenas na compra dos direitos, mas também na excelência das transmissões, com tecnologia e recursos de referência reconhecidos internacionalmente e com uma equipe de profissionais altamente especializada e comprometida com as melhores práticas jornalísticas."

Quer ficar por dentro de tudo que acontece nos bastidores da mídia esportiva em tempo real? Então curta nossas páginas no Facebook (facebook.com/midiaesporte) e Twitter (twitter.com/midiaesporte).

Quer anunciar no Portal Mídia Esporte? Entre em contato com a nossa equipe no email midiaesporte@gmail.com e solicite uma proposta.
Tecnologia do Blogger.