Header Ads

Conmebol vende direitos de TV da Libertadores por R$ 4,4 bilhões

Consórcio IMG/Perform será responsável pela venda e pós-venda dos direitos dos torneios de clubes da Conmebol

Conmebol anuncia acordo com IMG/Perform para direitos da Libertadores (Foto: Conmebol / Divulgação)

A Conmebol anunciou na última quarta-feira (27) a vencedora da licitação referente aos direitos de transmissão da Copa Libertadores e dos outros torneios de clubes organizados pela entidade durante o ciclo de 2019 a 2022.

O consórcio IMG/Perform será responsável pela venda e pós-venda dos direitos das competições. A oferta das duas empresas foi aprovada por unanimidade pelo Conselho da Conmebol. O valor pago supera a casa de US$ 1,4 bilhão (R$ 4,4 bilhões).

“É um prazer anunciar que como resultado de um processo profissional, com regras claras e garantias de integridade, assim como uma competição entre várias ofertas, hoje a Conmebol aceitou uma oferta por um mínimo garantido de US$1,4 bilhão para a comercialização, entre 2019 e 2022, dos direitos correspondentes aos torneios continentais dos clubes, inclusive a Conmebol Libertadores, a Conmebol Sul-Americana e a Conmebol Recopa, entre outros", disse o presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez.

"Esse contrato representa um enorme avanço até o nosso objetivo estratégico de ganhar mais valor para o desenvolvimento e crescimento do futebol sul-americano. Nós acreditamos, fizemos as coisas direito e hoje conseguimos um grande resultado, já que o mínimo garantido representa mais que o dobro das receitas do ciclo comercial anterior. O consórcio ganhador, que também trabalha com a Liga, Premier League, Nascar e NBA, entre outros, tem a capacidade comprovada para melhorar a renda gerada em nossos torneios de clubes, que são os mais emocionantes do mundo", completa o mandatário.

Para participar do processo todas a empresas passaram por uma prova rigorosa de integridade para que fosse garantida transparência. Para isso, a Conmebol contou com a assessoria legal da Brigard Urrutia, a auditoria externa da Ernst & Young e a assessoria técnica da consultora McKinsey.

A recepção das ofertas contou com a presença de uma escrivã do governo paraguaio, como notária oficial. E a Conmebol garante que todo o processo foi comunicado abertamente e documentado com rigor. O presidente da Comissão de Auditoria e Cumprimento da entidade assegurou a transparência e rigorosidade durante a licitação.

Atualmente, os direitos de transmissão da Libertadores e dos demais torneios de clubes da Conmebol pertencem ao Fox Sports. No Brasil, o canal sublicencia os direitos ao Grupo Globo. As emissoras que quiserem transmitir as competições a partir de 2019 terão que negociar com a IMG/Perform.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece nos bastidores da mídia esportiva em tempo real? Então curta nossas páginas no Facebook (facebook.com/midiaesporte) e Twitter (twitter.com/midiaesporte).

Quer anunciar no Portal Mídia Esporte? Entre em contato com a nossa equipe no email midiaesporte@gmail.com e solicite uma proposta.
Tecnologia do Blogger.