ESPN tem maior participação de audiência desde 2008

O canal esportivo conseguiu 0,45% de share contando o período de janeiro a dezembro do ano passado

20:37

O canal esportivo conseguiu 0,45% de share contando o período de janeiro a dezembro do ano passado



A ESPN conquistou, em 2015, sua melhor participação na audiência nos últimos sete anos. Segundo dados do Ibope relativos às emissoras de TV por assinatura, o canal esportivo conseguiu 0,45% de share contando o período de janeiro a dezembro do ano passado.

A participação na audiência da ESPN conseguiu superar em 0,01% os números obtidos em 2014, ano em que o canal transmitiu a Copa do Mundo disputada no Brasil. A última vez que a emissora havia conseguido tal desempenho tinha sido em 2008.

Sete anos depois, porém, o cenário de concorrência se acirrou, com a entrada forte da Fox Sports, dona de direitos de competições importantes, como a Copa Libertadores. A disputa pela audiência só tende a aumentar, com a chegada do Esporte Interativo, detentor dos direitos de TV da Liga dos Campeões.

Neste ano, tal tendência foi mantida, com a emissora paulista experimentando seu melhor índice de audiência dos últimos dez anos para o mês de janeiro. Para João Palomino, vice-presidente de jornalismo e programação da ESPN, alguns fatores contribuíram para o bom desempenho do canal.

“O futebol internacional e programas ao vivo, como o Bate-Bola na Veia e o Sportscenter foram os principais fatores para alavancar a audiência. Jogos dos campeonatos Espanhol e Inglês também tiveram um desempenho bem bacana”, destaca o executivo do canal.

Para ele, outro fator contribuiu para o bom desempenho do início do ano. Entre os dias 15 e 25, a ESPN teve o sinal aberto para assinantes de NET, ClaroTV, Vivo, GVT e nas associadas da NEO TV. O período coincidiu com eventos importantes, como finais de conferência da NFL, decisão da Copa São Paulo de juniores, Aberto da Austrália de tênis e a pré-temporada do Palmeiras no Torneio do Uruguai.

“Em fevereiro já tivemos dois fins de semana ótimos com o Super Bowl e o All Star Game [da NBA]. A final da NFL, no Carnaval teve audiência muito significativa, chegando a quase 1 ponto”, afirmou Palomino.

Sem a Liga dos Campeões nesta e nas próximas duas temporadas, a ESPN aposta em outro torneio para manter bons índices de audiência. “Teremos a Premier League exclusiva nos canais ESPN a partir da próxima temporada.”

Fonte: Máquina do Esporte
Ouça a Rádio Estação Play em seu Computador, Tablet ou Celular pelos aplicativos RadiosNet e TuneIn.
Curta a página oficial Portal Mídia Esporte no Facebook e @midiaesporte no Twitter.

Compartilhe

Editor e administrador do Portal Mídia Esporte.
Contato: midiaesporte@gmail.com

Leia mais

Próxima
« Anterior
Anterior
Próxima »