Header Ads

CBF deve faturar mais de meio bilhão de reais com direitos de TV do Brasileiro para o exterior

Grupo de empresários liderados por Alexandre Grendene poderá comercializar lá fora as partidas do campeonato a partir de 2019

Foto: Marcos Ribolli

A CBF e os clubes já escolheram a proposta ganhadora dos direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro para o exterior. Segundo o blog 'Radar', da 'Veja', o grupo de empresários liderados por Alexandre Grendene foi quem levou a melhor.

A proposta do empresário brasileiro foi de algo em torno de R$ 550 milhões pelos direitos dos próximos quatro anos (2019-2022), que incluem a transmissão das partidas para a TV aberta, fechada, streaming, assim como a comercialização de placas nos estádios.

A concorrência envolveu inicialmente oito grupos. Grandes empresas do esporte mundial disputaram os direitos, entre eles a francesa Lagardère e a americana IMG. Mas a proposta de Grendene acabou superando todos os rivais.

Com o acordo, ele poderá comercializar lá fora todas as partidas do Brasileirão, já que os 20 clubes da primeira divisão estão incluídos no pacote. O contrato deve ser assinado nos próximos dias.

Quer ficar por dentro de tudo que acontece nos bastidores da mídia esportiva em tempo real? Então curta nossas páginas no Facebook (facebook.com/midiaesporte), Twitter (twitter.com/midiaesporte) e Instagram (instagram.com/midiaesporte).

Quer anunciar no Portal Mídia Esporte? Entre em contato com a nossa equipe no email midiaesporte@gmail.com e solicite uma proposta.



PUBLICIDADE



Tecnologia do Blogger.